terça-feira, 1 de março de 2011

* remember who you are ! *

- já não és quem eu conheci. tornaste-te em alguém que contrasta completamente com a tua «antiga» personalidade. vês as coisas, agora, com outros olhos. vês-me com outro sentimento, pensas de outra maneira... mudaste muito desde que isto começou e não sei se voltarás a ser aquele «menino» por quem eu me apaixonei e me aprisionei loucamente. não sei se voltarás a ser aquele que me dizia as coisas cara a cara, sem o mínimo problema. não sei se voltarás a ser aquele que me defrontava em qualquer coisa, a mínima margem de erro. não sei se essa pessoa voltará... e valerá a pena voltar? isso não sei, mas essa personagem traz-me excelentes memórias, dias inesquecíveis, olhares particulares, palavras entrelaçadas, gestos assustadores, perguntas incógnitas e respostas sem fundamento. um simples rapaz que me abriu os olhos sem o querer. o conhecimento a dois foi prolongado, um conhecer indirecto. sentimentos cresceram e não os soube controlar. agora é nisto que me encontro. e tu, és o único que me pode tirar disto voltando a seres quem realmente és ou voltando simplesmente com a tua palavra a trás. trás-me o passado se o conseguires, ou senão aceita pelo menos o meu pedido de desculpa. eu, disponho-me a tudo, mas por favor lembra-te de quem tu realmente és!